Coral do Instituto Mário Penna de laringectomizados estrelam ações do Julho Verde

23/07/2019 Por: Instituto Mário Penna Categoria: Notícias Gerais



O Coral do Instituto Mário Penna é o único de Belo Horizonte

A descoberta do câncer de laringe pode representar o fim da voz para muitas pessoas. Para dezoito pacientes do Instituto Mário Penna, que perderam a voz devido a esse tipo de câncer, foi a oportunidade de aprender a cantar. Eles fazem parte do Coral dos Laringectomizados do Instituto Mário Penna e renasceram a partir do canto.

Esses pacientes/cantores têm encantado por onde passam e chamam atenção pela alegria, orgulho e otimismo com que encaram a vida. No último domingo, quem esteve presente na praça da Savassi parou para assistir o Coral. No repertório, clássicos de Roberto Carlos como “Como é Grande o Meu Amor Por Você”.

A apresentação do Coral foi a principal atração ‘Julho Verde organizado pelo Gal – Grupo de Acolhimento ao Paciente com Câncer de Cabeça e Pescoço e aconteceu dentro do evento “BH é da Gente”. Este é o único coral de Belo Horizonte formado por pacientes laringectomizados.

“O Coral eleva os nossos pacientes a condição de cantores, juntamente com os profissionais de saúde e músicos voluntários, integrando todos em uma só melodia”, destaca Maria Ângela Ferraz, Diretora de Humanização e uma das idealizadoras do projeto.

“São pacientes que estão reabilitados do ponto de vista da comunicação, com a emissão de uma nova voz e, por meio do canto, conseguiram resgatar sua autoestima, sentem-se orgulhosos e motivados a viver e darem exemplo a outros pacientes acometidos pelo câncer de laringe”, explicou Flávia Fiorini – Fonoaudióloga do Instituto Mário Penna e uma das integrantes da equipe multidisciplinar que acompanha os pacientes laringectomizados.

Julho Verde

Neste mês de julho a agenda do grupo está lotada. Eles têm se apresentado em hospitais, como o Alberto Cavalcanti, e empresas parceiras, como a Cemig, divulgando o Julho Verde, mês dedicado a campanha de prevenção do câncer de cabeça e pescoço, e também o nome do Instituto Mário Penna.

  • Cemig – 24 de Julho

Em mais uma ação do Julho Verde, desta vez, o coral dos laringectomizados do Instituto Mário Penna esteve na Cemig. A apresentação, que aconteceu dia 24 de julho, contagiou o público presente com exemplo de superação além de conscientizar sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de cabeça e pescoço.

  • Lider Aviação – 31 de Julho

As ações do Julho Verde chegaram ao fim em grande estilo no dia 31 de julho com a apresentação do coral dos laringectomizados na Lider Aviação. O evento contou com o engajamento e participação expressiva dos colaboradores da empresa e depoimentos de membros do coral.

Ajude o Instituto Mário Penna

"Ontem, recebi minha alta depois de 7 anos de tratamento e acompanhamento dessa ótima instituição e toda a sua equipe."

Compartilhe essa notícia:
Outras notícias de Notícias Gerais