Ajude o Instituto Mário Penna

"Ontem, recebi minha alta depois de 7 anos de tratamento e acompanhamento dessa ótima instituição e toda a sua equipe."

Dia da Saúde comemorado em campo

07/08/2018 Por: Instituto Mário Penna Categoria: Notícias Gerais



Comemorado em campo o dia da saúde e em continuidade à campanha“Torcida Mário Penna”- que busca despertar a atenção da população para a delicada situação da instituição e com isso ganhar seu apoio por meio de doações ao Instituto Mário Penna -, o Atlético recebeu, para a partida contra o Internacional de Porto Alegre, na noite dessa segunda-feira (06/08), pacientes, médicos e profissionais da saúde dos hospitais do Instituto. Os convidados estavam uniformizados com a camisa da campanha relacionada ao Atlético.

A ação foi uma forma, também, de chamar a atenção para as comemorações do Dia Nacional da Saúde, celebrado oficialmente no último domingo (05/08). O objetivo foi estimular as pessoas a terem interesse pelos cuidados com a saúde uma vez que pelo menos 80% dos casos de câncer no mundo estão relacionados ao modo de vida, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca).

Instituto Mário Penna e o tratamento oncológico

Além disso, o Inca lembra que, no Brasil, a atenção à saúde é de acesso universal. Por isso, o Ministério da Saúde garante o atendimento integral a qualquer doente com câncer, por meio do Sistema Único de Saúde, o SUS. No Instituto Mário Penna, uma das principais instituições filantrópicas de saúde de Minas Gerais, mais de 60% dos pacientes são provenientes do SUS. O Instituto responde, ainda, por cerca de 70% dos atendimentos dos novos casos de câncer da Região Metropolitana de Belo Horizonte e mais de 20% do total de novos casos de câncer em todo o estado.

Para tanto, o Instituto é composto pelos Hospitais Mário Penna e Luxemburgo, a Casa de Apoio Beatriz Ferraz e o Núcleo de Ensino e Pesquisa. “Com ações como a do jogo do Atlético x Internacional esperamos inspirar a prevenção. O futebol é capaz de reunir grandes atores e pode, assim, ser um importante difusor de movimentos de conscientização na área da saúde”, afirma o presidente do Instituto Mário Penna, Paulo Araújo.

Compartilhe essa notícia: