Em parceria com o projeto “Canto da Rua Emergencial BH”, Instituto Mário Penna realiza exames da Covid em voluntários

10/07/2020 Por: Instituto Mário Penna Categoria: Hospital Luxemburgo Notícias Gerais



A Pastoral de Rua da Arquidiocese de Belo Horizonte e o Vicariato Episcopal para a Ação Social, Política e Ambiental, vem desenvolvendo uma série de ações junto à população de rua para minimizar os efeitos da pandemia da Covid-19. Como fruto de toda essa rede do bem, desde 13 de junho, Belo Horizonte conta com o projeto “Canto da Rua Emergencial”, um espaço de apoio e referência para a população em situação de rua.

O projeto tem sede na Serraria Souza Pinto. Todo trabalho é realizado por voluntários e os serviços oferecidos são frutos de doações de diversas empresas e entidades.

O Instituto Mario Penna abraçou a causa do movimento, disponibilizando uma enfermeira e realizando testes da Covid-19 em todos os colaboradores do projeto.

Por lá são atendidas, diariamente, cerca de 600 pessoas da população, com distribuição de lanche, disponibilização de banho e sanitários, atendimento assistenciais de saúde básica e ainda de defesa e garantia de direitos.

No espaço entram apenas grupos de 50 pessoas, passando por uma barreira sanitária com avaliação de saúde da Covid-19 e orientações de proteção, onde sintomáticos são encaminhados para o atendimento público.

Além disso, a ação se estende pela cidade com a hospedagem de 150 pessoas da população de rua que fazem parte dos grupos de risco, oferecendo café da manhã, almoço, jantar e acompanhamento sócio assistencial.

“O Instituto Mario Penna, como entidade filantrópica (sem fins lucrativos), tem por dever atuar em prol da comunidade, promovendo assistência social, saúde e educação. Este projeto é de extrema importância para a sociedade e também para o Instituto, devido a sua urgência. Queremos ajudar no que for possível”, ressalta Gladstone Andrade, Assessor da Diretoria do Instituto Mário Penna.

Ajude o Instituto Mário Penna

"Ontem, recebi minha alta depois de 7 anos de tratamento e acompanhamento dessa ótima instituição e toda a sua equipe."

Compartilhe essa notícia:
Outras notícias de Hospital Luxemburgo